A Recicloteca no site do jornal Extra

Leia a reportagem que saiu no site do jornal Extra, neste sábado dia 12/05/12, sobre o reaproveitamento de materiais e a sua ajuda na renda das famílias. Com direito a entrevista com nossa diretora Vera Chevalier.

Reaproveitamento do lixo ajuda na economia doméstica e gera renda para as famílias. Veja o passo a passo

Por Fernanda Pereira

Foto: Recicloteca

O lixo das casas pode estar cheio de matéria-prima para produtos de utilidade doméstica. Mais de 18% da composição do lixo gerado no estado do Rio de Janeiro é composto por plástico e outros 12%, por papel. De olho nos danos que esses materiais provocam ao meio ambiente, a Organização Não Governamental Eco Marapendi criou o projeto Recicloteca, que oferece cursos e oficinas de reaproveitamento.

A diretora da ONG, Vera Chevalier, conta que, em 19 anos de existência, o projeto já incentivou centenas de famílias a transformar o que ia para o lixo em móveis, utensílios decorativos, assessórios de vestuário, entre outros.

— Ontem mesmo atendi um casal que estava precisando de ajuda. Os dois estavam desempregados e começaram a produzir artesanato de garrafa pet. Essa se tornou a única fonte de renda deles — contou a diretora.

Os cursos têm valores a partir de R$ 30. A maior parte deles, é realizada na sede da Recicloteca, na Rua Miranda Valverde 118, em Botafogo. Outros são realizados em ateliês dos professores.

Veja o passo a passo para o reaproveitamento de papel e plástico

Cestaria com jornal:

1. Divida a folha de jornal em duas partes iguais. Enrole cada pedaço do jornal a partir da ponta, na diagonal, formando canudos finos. Todos os canudos devem ter a mesma espessura, sendo que um lado deve ser mais fino que o outro.

2. Separe 7 canudos. Entrelace 6 canudos formando um quadriculado com 12 pontas (que serão a base do seu cesto).

3. Pegue uma das pontas do canudo que sobrou e entrelace nas pontas do quadriculado em forma de círculo (que é a base do cesto), e com a outra ponta comece a trançar.

4. Prossiga o trançado acrescentando outros canudos (colar a ponta mais fina dentro da ponta mais larga), até formar o tamanho do fundo desejado (+ ou – 20 cm).

5. Prossiga o mesmo trançado agora virando as pontas (bases) para cima até a altura desejada. Para finalizar o cesto, vire as pontas para dentro do trançado, de forma que não apareçam, e fixe com cola

Croché de sacola plástica com agulhas de crochê, tesoura e creme hidratante:

1. Recorte as alças e o fundo da sacola.

2. Estique a sacola, desfazendo as dobras laterais.

3. Dobre uma das laterais até o centro da sacola. Dobre novamente na mesma medida. Restará uma parte sem dobrar.

4. Recorte uma tira da sacola, iniciando na parte dobrada, ultrapassando a parte sem dobra e deixando a distância aproximada de três dedos sem recortar. Repita o processo até percorrer toda a sacola.

5. Desdobre as tiras. Na primeira tira, junto à extremidade sem corte, faça um corte em diagonal em uma das faces da sacola, formando uma ponta.

6. Está pronta a primeira ponta do fio! Estique a ponta e acompanhe o fio até a parte que ainda não está cortada.

7. Recorte esta parte unindo-a com a próxima tira para formar um fio contínuo. Repita o processo até transformar toda a sacola em um grande fio.

8. Torça o fio e ao mesmo tempo enrole-o no dedo formando um novelo.

9. Está pronto o fio! Agora coloque o creme hidratante na mão oposta à da agulha e antes de puxar o fio passe a ponta da agulha no creme para impedir que o plástico agarre.

10. Agora é só usar a técnica tradicional do crochê.

Veja outras dicas no site da Recicloteca.

Se você quiser seguir a Recicloteca no Twitter, clique aqui.

Gostou dos textos? Detestou? Queremos saber!
Deixe aqui seus comentários, criticas e sugestões!
Estamos fazendo o blog para vocês e
ele é uma construção conjunta.
Ajude-nos a melhorá-lo!

Licença Creative Commons

Este texto está protegido por uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.
Link para atribuição de créditos: http://recicloteca.org.br/_bak_site_asp_2005/blog/?p=9255

Compartilhe

Deixe um comentário